top of page

Entenda a importância das análises químicas em águas de piscina


Em um dia ensolarado, nada melhor do que um bom banho de piscina para nos servir de refúgio do calor. Na piscina, momentos agradáveis e divertidos são compartilhados com nossos amigos e familiares, logo é de fundamental importância manter-se atento à qualidade da água, para que esse tempinho de lazer não seja comprometido por eventuais problemas na qual a falta de manutenção da piscina pode ocasionar, caso não feita recorrentemente.


O que o negligenciamento da qualidade da água pode causar?


Quando não realizado o tratamento adequado, a água da piscina torna-se um excelente ambiente para a proliferação de micro-organismos, que são prejudiciais à nossa saúde. Algumas doenças desenvolvidas a partir da falta do inspecionamento da água são:

  • Infecções de pele;

  • Inflamação no ouvido;

  • Conjuntivite;

  • Diarreia;

  • Pneumonia.

A fim de evitá-las, é recomendado que sejam realizadas análises químicas para verificar se os parâmetros da água se encontram dentro do esperado.


Quais são os principais parâmetros averiguados em uma análise química?


Cloro


A adição da solução do cloro é responsável pela desinfecção da água, que ocorre através da oxidação da matéria orgânica, impedindo que agentes causadores de doenças como bactérias e fungos se proliferem.

De acordo com a norma ABNT NBR 10818/2016, a quantidade de cloro na água deve estar entre os valores de 0,8 a 3,0 mg/L, em níveis muito elevados, pode provocar irritações com sensação de queimadura, além de náuseas e dificuldade para respirar. É importante ressaltar que, para um bom controle da limpeza da água, é recomendado que a adição deste aconteça 3 vezes por semana.


pH


A eficiência do cloro está relacionado com o pH (potencial hidrogeniônico), na qual o meio se encontra. O ideal recomendado é de 7,2 a 7,8, sendo de fundamental importância sua aferição diária para garantir que a água esteja com o pH entre esses valores.

Além disso, vale ressaltar que, o pH muito ácido (abaixo de 7) ou muito básico (acima de 7) pode provocar desconforto aos banhistas.


Alcalinidade


O controle da alcalinidade é de extrema importância para a estabilidade do pH, visto que esta é a responsável por neutralizar os componentes ácidos da água. Águas com a alcalinidade elevada, contribuem para o surgimento da turbidez e da cor esverdeada. Os níveis recomendados encontram-se entre 80 a 120 ppm.



Se divertir durante o banho de piscina é ótimo, mas melhor ainda é estar de olho nos parâmetros citados acima para que a qualidade da água esteja garantida. Deseja averiguar se a água da sua piscina atende aos valores recomendados? Entre em contato conosco e solicite um orçamento!




217 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


Les commentaires ont été désactivés.
bottom of page